Vienna: architecture + essential sightseeings

lifesthayle-vienna-kaffee-alt-wien.JPG

Embora eu já tenha falado por aqui sobre o Schönbruun, sobre o Naschmarkt e a comida vienense, vou concentrar os meus essenciais neste post. Não que João e eu tenhamos seguido um roteiro, muito pelo contrário: quando fomos visitar o Belvedere Palace, por exemplo, pegamos o tram errado, nos perdemos e acabou escurecendo sem que conseguíssemos chegar lá_ ou seja, vai faltar fotos dele por aqui. O que acontece é que, salvo exceções, grande parte dos sightseeings (ou pontos turísticos) estão próximos e na região central, então você acaba vendo todos eles no mesmo passeio. Ou pulando alguns por que passou na porta e não sabia o que era. haha

 

Sou apaixonada por arquitetura (quando era criança e me perguntavam o que eu queria ser quando crescesse, a resposta era: arquiteta) e por vitrines (não só de roupas), então andar pelas ruas estreitas do centro de Vienna, mesmo sem destino definido, foi um prazer. Se o frio deixasse as mãos ficarem de fora (e os meninos, João e Sandro, me deixassem parar o tempo todo), eu teria fotografado muito mais portas e janelas, mas mesmo assim tirei um bocado para este post!

 

Na noite pós Schönbruun, fomos jantar na região central e demos de cara com a Stephansdom (Saint Stephen's Cathedral), o que foi um susto e uma surpresa, já que ela é imponente e ao mesmo assustadora com sua arquitetura gótica. É uma das catedrais mais antigas da Europa e está entre as mais importantes no estilo. Para chegar, desça na estação Stephansplatz.

lifesthayle-vienna-saint-stephens-cathedral.jpg
lifesthayle-vienna-saint-stephens.jpg

Esse aí é o Ankeruhr (Anker Clock), um relógio musical no estilo Art Nouveau (ou Jugendstil, em alemão) que forma uma ponte entre as duas partes de um prédio. Todos os dias ao meio-dia, as figuras históricas do relógio se mexem atravessando a ponte. Infelizmente (ou não) não estávamos lá na hora certa para assistir ao "espetáculo" (que você pode ver aqui), mas prometo que vou fazer um post especial para falar sobre o famoso Relógio de Praga em breve. hahaha

lifesthayle-vienna-anker-clock.JPG
lifesthayle-vienna-architecture-details.JPG
lifesthayle-vienna-backerstrasse.jpg

Abaixo mais umas ruazinhas entre os distritos quatro (Wieden região hipster em que nós ficamos que tem também uma grande concentração de comércio oriental) e cinco (Margareten, que mantém a aura do vizinho, mas com muitos prédios de arquitetura Art Nouveau).

lifesthayle-vienna-wiedner-hauptstrasse.jpg
lifesthayle-vienna-bosendorferstrasse.jpg

Não sei porque/como fomos parar neste canal do Rio Danúbio (ou Donaukanal), mas acho bem interessante andar assim, meio a ermo, e ir descobrindo os lugares por acaso. Já as fotos da sequência são no MuseumsQuartier, sim, um quarteirão de museus que eu fazia total questão de visitar. São 8 museus reunidos, além dos próprios prédios e do entorno que são obras de arte. Adivinha quem só teve tempo de ver um deles? Com aperto no coração por não poder conhecer os outros, fomos ver Arte Moderna no MUMOK e vale dizer que: 1) conseguimos usar nossas carteirinhas de estudante brasileiras para pagar meia entrada; 2) eles tem lockers gratuitos para deixar as bolsas e agasalhos; 3) são vários andares de obras e a arquitetura do prédio, com vidro e metal lembrando o estilo industrial, é linda!

lifesthayle-vienna-danube-river.jpg
lifesthayle-vienna-tanzquartier.jpg
lifesthayle-vienna-mumok.jpg
lifesthayle-vienna-museum-moderner.jpg

Passamos pela Karlsplatz algumas vezes (que é uma praça, mas também tem uma estação de metrô) especialmente porque ela estava perto do hostel e era um ponto de ligação com linhas importantes, como a do MuseumsQuartier, da Stephansplatz e do Alte Donau. Foi de lá que tentamos sem sucesso chegar ao Belvedere Palace e neste mesmo dia acabamos vendo a Karlskirche (Saint Charles' Church), de estilo barroco, e as duas entradas da estação de metrô, que são clássicos da arquitetura Art Noveau consideradas modernas durante sua construção em 1899, com design de Otto Wagner. Com estrutura de aço e placas de mármore, elas hoje abrigam um café e um espaço de exposição do Museu de Viena. Olha aí embaixo que bonitinhas!

lifesthayle-vienna-saint-charles.JPG
lifesthayle-vienna-karlsplatz.jpg
lifesthayle-vienna-karlsplatz-station.jpg

O post derradeiro sobre Vienna vai ter o Wiener Prater (parque de diversões, gente. Eu amo! haha) e o Rio Danúbio de novo (ou Donau como eles chamam em alemão). Prometo que demoro menos dessa vez! Inclusive já vou começar porque logo depois tem o vídeo com as aventuras_ minha parte favorita, devo dizer! :)