Vienna: parque de diversões, Rio Danúbio e grätzlhotel

Falei com uma amiga essa semana: Viena não se mostra de cara. Você vai rodear, comparar com outras cidades, vai se perder... talvez você até saia de lá decepcionado. Ou talvez, assim como eu, descubra a beleza dela nos 40' do segundo tempo. E a amiga me deu uma resposta perfeita sobre isso: "sabe quando a gente conhece alguém num bar e depois ela vai embora e você fica com aquela sensação de 'podia ter ficado mais um pouquinho' ? Então, foi isso". Obrigada pela contribuição, Mila Alves. Este é o último post sobre Viena desta série, mas não será o último sobre a cidade: fica aqui a promessa de que eu vou visitá-la novamente.

I was talking about Vienna with a friend fews days ago: you can't see how pretty the city is at the first look. You'll wak around, trying to find something familiar or something new or something (!) and maybe you leave without find it. Or maybe, as happened to be, you'll find it when you're almost leaving and then fell in love with it. And my friend said: "You know when we met someone in a bar, then the person left and you think 'she/he could have stayed a little bit more'? That's it". She said exactly what I think, so this is the last post from this visit but it won't be last one about Vienna. I gonna visit it again, I promise!

lifesthayle-vienna-prater-amusement-park.jpg
  • WIENER PRATER

Eu estava alucinada para conhecer o Prater e o que acontece quando você vai assim, com muita obsessão, à um lugar? Sim, meus amigos, ele estava fechado. Não o espaço físico, mas os brinquedos não estavam funcionando, salvo raríssimas exceções. E tem mais: o parque é INCRÍVEL, tipo cenário de filme antigo. As atrações tem aquelas entradas divertidas e assustadoras ao mesmo tempo. Dá pra ter uma ideia pelo carrossel aqui em baixo. Vou voltar, Viena, vou voltar!

I was completely obsessed with this amusement park and guess what happened? The attractions aren't working, probably because of the winter. We walk around there for half an hour and it makes me sure that it's an amazing park, super colorful, with a lot of funny signs and entertainment options. I'll be back, Vienna!

lifesthayle-vienna-prater-carousel-details.jpg
lifesthayle-vienna-prater-carousel.jpg
lifesthayle-vienna-prater-wiener-riesenrad.jpg
lifesthayle-vienna-prater-wiener-riesenrad-details.JPG
  • DONAUINSEL

Em Budapest, ir a qualquer lugar significa ver ou atravessar o Rio Danúbio. Em Viena não, o máximo que vimos pela cidade foi um canal dele. Então pegamos o metro até a estação Donauinsel (que signfica ilha do Danúbio) e a vista da estação é a que você vê abaixo, com o rio parcialmente congelado e muitas pessoas praticando esportes sobre ele. Ah, e essa estrutura amarela é a Ponte Cagrana, também conhecida como Copa Cagrana (e a semelhança à "Copacabana" não é pura coincidência, é uma alusão mesmo haha), que é temporária e fica submersa em algumas épocas do ano.

In Budapest, you can see the Danube River wherever you go. In Vienna it is different. I went to Donauinsel station to take the pictures below, with an iced river and lots of skaters_ and this friendly photographer who let me take a picture of him. No, I have not asked but I suppose he doesn't mind haha.

lifesthayle-vienna-neue-donau-winter.jpg
lifesthayle-vienna-neue-donau-ponte-cagrana.jpg
lifesthayle-vienna-neue-donau-skaters.jpg
lifesthayle-vienna-neue-donau.jpg
lifesthayle-vienna-neue-donau-view.jpg
  • GRÄTZLHOTEL

Basta olhar as fotos pra ver que esse hotel é a minha cara. Aliás, ele não é exatamente um hotel: é um loft, com entrada independente, mas bem gracinha e com ótima localização_ o grupo Urbanauts tem mais de uma unidade, mas eu fiquei próximo ao Belvedere. Veja mais informações e conheça as outras opções aqui. Eu também tinha uma reserva no Wombat's Hostel, o mesmo que fiquei em Budapest. Em Vienna, ele fica bem pertinho do Naschmarkt e do metrô.

Finally I have to write some words about this hotel. I had also a reservation at the Wombats Hostel, at Naschmarkt, and it's a long history how I ended up in the Grätzlhotel but it's definitely a lovely place. All the art prints, the tiny details and specially this big wall behind the bed got my heart. It isn't exactly what you expected from a hotel: the room is a loft, with an independent entrance, so you don't have to look to the staff when you came back drunk in the morning. haha

lifesthayle-vienna-gratzlhotel-the-tailoress-thayanna-sena.jpg
lifesthayle-vienna-gratzlhotel-the-tailoress.jpg
lifesthayle-vienna-gratzlhotel-the-tailoress-art-prints.jpg
lifesthayle-vienna-gratzlhotel-the-tailoress-details.jpg

Dizem que tudo o que é bom dura pouco e é, Viena acabou. Só que a próxima parada é tão incrivel, encantadora, surreal e linda que nem deu pra reclamar. A próxima série de posts aqui no blog é sobre: Praga!

All the good stories comes to an end, but this one is different because the next stop of my Eurotrip is the lovely, amazing, surprising Prague. See you there (I mean, here) soon!